A Bahia, a Terra de Todos os Santos, é um Estado com um enorme litoral cercado de praias belíssimas e muita energia positiva. Famosa pelo axé, a Bahia é uma terra que nos lembra de festa e agitação, algo muito comum de ser visto na maioria de suas cidades. Mas se você pretende passar as férias ou até mesmo morar em Santo André, saiba que este lugar é uma exceção à regra.

Embora localizado a menos de 30 quilômetros de Porto Seguro, a vila de Santo André é sinônimo de tranquilidade e calmaria em qualquer época do ano, inclusive no tão agitado verão.

A proximidade com o Rio João de Tiba faz das praias da área de Santa Cruz Cabrália as menos azuis da região sul da Bahia. Mas isso não é um ponto negativo, pois Santo André o compensa com suas maravilhosas paisagens emolduradas por coqueirais, ruas de terra, densa vegetação nativa da Mata Atlântica e os inúmeros recifes que dão forma às piscinas naturais.

Mas nem só de calmaria vive Santo André. Mesmo pequena – a vila de cerca de 900 habitantes possui somente uma rua principal, por alguns chamada de Beira-Rio, por outros de Beira-Mar. Embora o local seja isolado, Santo André proporciona pousadas aconchegantes e deliciosos restaurantes aos seus visitantes.

Além disso, o vilarejo faz parte de uma importante área de proteção ambiental, a APA de Santo Antônio, o que assegura a proteção de várzeas, restingas, recifes, manguezais e matas.

Aqui em Santo André, ecoturismo e aventura são sinônimos, e há diversão para todos os estilos nos ótimos passeios disponibilizados em suas proximidades, como por exemplo pesca em alto-mar, tours de jipe pelas diversas praias da região, mergulhos em barreiras de corais, além de caminhadas por trilhas com rumo à aldeias indígenas isoladas.

Sobre os pontos de mergulhos em barreiras de corais, saiba que eles são realizados em Alagadas, Coroa Alta e Corais de Araripe. Você será conduzido até o local em um passeio de saveiro, e seja qual deles você escolher, poderá vislumbrar inúmeras espécies de corais e peixes em qualquer época do ano.

Se você escolher mergulhar no verão, como as águas estarão mais claras, poderá contemplar melhor a vida marinha, já que tartarugas e golfinhos são muito vistos no local. E se mergulhar no período de julho a novembro, conhecerá as incríveis baleias jubarte.

Por falar em água, Santo André também é um destino certo para os adeptos da prática da pesca oceânica do marlim azul, um dos melhores locais do mundo para os praticantes desse esporte.

A 32 milhas náuticas do vilarejo encontra-se o Royal Charlotte Bank, uma plataforma continental que aproxima cardumes de peixes considerados de grande porte. A temporada de pesca inicia no mês de novembro e se estende por todo o verão. Em dezembro, a vila fica bastante movimentada por conta do Torneio de Pesca do Marlim Azul.

A familiaridade com rios e mangues faz das praias da região de Santo André as menos azuis da Costa do Descobrimento. A paisagem que as envolve, no entanto, cercada por coqueirais, recifes e Mata Atlântica nativa, garante o seu charme e beleza de igual para igual.

Semi deserto, mas com pousadas aconchegantes e deliciosos restaurantes e quiosques, Santo André é um convite para você que procura relaxar mas que não abre mão de algumas mordomias como um peixe frito à beira-mar e uma cerveja bem gelada!